Inscription newsletter

Recevez les nouvelles et les avis de promotions spéciales

Libido

Autoramas
Disques: Rock

16,61 € TTC

Fiche technique Disques

Timbre Hearts Bleed Blue
Style Rock
Année d'origine Édition 2018
Compilation No

En savoir plus

Libido, álbum que a banda carioca Autoramas lança simultaneamente no Brasil e na Europa neste mês de julho de 2018, tem energia adolescente. Ágil, o disco apresenta 10 músicas inéditas e autorais (do mentor da banda, Gabriel Thomaz, a sós ou com parceiros) em 31 minutos.
Basta ouvir um rock de aura punk como Coisa pra caramba para fazer que se percebe de imediato o vigor juvenil que sai do som por vezes intencionalmente distorcido tirado por Gabriel Thomaz (voz e guitarra) com Érika Martins (voz, teclados, mini-guitarra e percussão), Jairo Fajer (baixo e vocal) e Fábio Lima (bateria).
É rock de garagem, sujo, cantado em português e em inglês como sinalizou em 25 de maio o single Sofas, armchairs and chairs e, na sequência, o segundo single, Stressed out porque a banda Autoramas vem seguindo rota cada vez mais internacional desde que foi formada em 1997 na cidade do Rio de Janeiro (RJ), tendo sobrevivido com bravura ao refratário mercado brasileiro de rock e procurado saídas (via aeroporto) ao longo desses 21 resistentes anos de vida.
Não é à toa que o álbum Libido já está sendo lançado simultaneamente no exterior através de parceria da gravadora paulista Hearts Bleed Blue (HBB) com o selo alemão Soundflat Records. Fora do Brasil, os roqueiros gringos estão apreciando sem moderação esse rock de garagem em que o Autoramas combina influências de surf music, Jovem Guarda (menos evidentes em Libido, mas ainda assim presentes), New Wave, punk e pop bubblegum que gruda na mente de quem, musicalmente, se recusa a sair da adolescência.
Com capa retrô que expõe ilustração do artista gráfico alemão Julian Weber, o álbum Libido sai nos formatos de CD, LP e K7, além da edição digital. Mesmo que uma faixa como Creepy echo tenha tom mais sombrio, o que se ouve em músicas como Ding dong é pura energia de roqueiros com os hormônios em ebulição.
A mixagem do produtor norte-americano Jim Diamond contribui decisivamente para que Libido soe com a pegada dos shows do Autoramas, como era a intenção do líder da banda, Gabriel Thomaz, produtor do álbum ao lado de Bernardo Pacheco e Luiz Tissot.
Disco coeso, Libido é injeção de ânimo na cena atualmente apática do rock made in Brasil. A banda Autoramas chega à maioridade com entusiasmo adolescente. (Cotação: * * * *)

Themes

CD 1
1
Sofas, armchairs and chairs
Gabriel Thomasz
2
Creepy echo
Gabriel Thomasz - Mairena
3
Stressed out
Gabriel Thomasz - Mairena
4
Homem-cliché
Gabriel Thomasz
5
Ding dong
Gabriel Thomasz
6
Non-practitioner
Gabriel Thomasz
7
No futuro
Gabriel Thomasz
8
Eu sei mas eu não sei (I know but I don't know)
Frank Infante - Julio Barroso
9
Coisa pra caramba pra fazer
Gabriel Thomasz - Renato Martins
10
Para o alto e avante
Gabriel Thomasz