Inscription newsletter

Recevez les nouvelles et les avis de promotions spéciales

O desaparecimento do dote (Mulheres, famílias e mudança social em São Paulo, Brasil, 1600-1900)

Muriel Nazzari
Livres: Sociología / Historia social

Available now

31,77 € TTC

Fiche technique Livres

Éditorial Companhia das Letras
Style Sociología / Historia social
Année d'origine Édition 2001

En savoir plus

361 páginas (14 x 21 cm) (Peso: 454 gr)

"Na São Paulo do século XVII, casar-se significava bem mais do que trocar juras e alianças. Firmava-se, naquele ato, um acordo econômico em que a família da noiva concedia um dote para o sustento do novo casal. Dinheiro, terras, gado, escravos... praticamente tudo entrava nessa conta em quantidades que quase sempre superavam o valor da herança a ser recebida pelos filhos homens. Quase trezentos anos depois, a instituição do dote havia simplesmente desaparecido.

Neste ensaio inovador, a historiadora norte-americana Muriel Nazzari, professora emérita da Indiana University, investiga as causas e conseqüências desse desaparecimento em São Paulo revelando a importância do dote no período colonial, analisando seu gradual desaparecimento entre os séculos XVII e XIX e mostrando como essa mudança de costumes expressou transformações profundas na sociedade brasileira, como a passagem da ordem aristocrática à ordem burguesa, da "família extensa" à "família conjugal", do pacto matrimonial como empreendimento ao casamento como escolha amorosa."